Meditação para Principiantes

Descubra a paz e a consciência divina que a meditação traz.

Back to Schedule
Donate

    Aprenda a Meditar

    As instruções para praticar a meditação segundo a ciência da Kriya Yoga eram transmitidas pessoalmente por Paramahansa Yogananda nas aulas que ele ministrou ao longo de mais de 30 anos e são descritas em detalhes nas Lições da Self-Realization Fellowship.

    Além disso, ali também há conselhos práticos e várias técnicas que o próprio Yogananda ensinava para uma vida saudável e bem-sucedida, isto é, para o bem-estar físico, mental e espiritual perfeitamente equilibrado: em uma palavra, para obter a harmonia que a Yoga traz a todos os aspectos da vida. Esses princípios – que constituem “a arte de viver” – são a consequência e o principal resultado da verdadeira meditação.

    Se você ainda não pediu as Lições, encontrará nessas páginas algumas instruções básicas de como meditar, que podem ser colocadas em prática imediatamente para começar a sentir a paz e a comunhão com Deus que a meditação traz.

    Meditação para Principiantes

    Mais Instruções Básicas Com o Irmão Achalananda (legendas em português)

    Caminhos para Aprofundar Sua Meditação (em inglês)

    Medite com membros e amigos da SRF de todo o mundo no conforto da sua própria casa

    Aprenda mais técnicas de meditação nas Lições de Paramahansa Yogananda para Estudo em Casa.

    Meditação para Principiantes

    Ensinada por Paramahansa Yogananda

    Ore

    Depois de ficar na postura de meditação, ofereça a Deus uma prece do seu coração, expressando sua devoção por Ele e pedindo que abençõe sua meditação.

    Tensione e Relaxe para Eliminar o Estresse

    • Inspire, tensionando o corpo completamente e fechando os punhos.
    • Expulse fortemente o ar pela boca com uma expiração dupla, fazendo o som “ha haaa”, e ao mesmo tempo relaxe todo o corpo.
    • Repita este exercício de 3 a 6 vezes.

    Depois esqueça a respiração, deixando-a fluir para dentro e para fora de modo natural e espontâneo, como na respiração normal.

    Concentre a Atenção no Olho Espiritual

    Com as pálpebras meio fechadas (ou completamente fechadas, se for mais cômodo), dirija o olhar para cima, focalizando-o, junto com a atenção, num ponto no meio das sobrancelhas, como se olhasse para fora através desse ponto. (A pessoa que se concentra profundamente costuma franzir as sobrancelhas.) Não é para cruzar nem forçar os olhos; ao relaxar e se concentrar com serenidade, o olhar se volta naturalmente para cima.

    O importante é fixar a atenção totalmente no ponto entre as sobrancelhas. É o centro da Consciência Crística, a sede do olho único mencionado por Cristo: “A candeia do corpo é o olho; de sorte que, se o teu olho for único, todo o teu corpo terá luz” (Mateus 6:22).

    Quando o propósito da meditação é atingido, o devoto descobre que sua mente se concentra automaticamente no olho espiritual, sentindo – de acordo com sua capacidade espiritual interior – um estado de união divina e extática com o Espírito.

    É preciso profunda concentração e tranquilidade para ver o olho espiritual: um halo dourado em volta de um círculo azul. No centro do círculo vibra uma estrela branca de cinco pontas. Quem vê o olho espiritual deve tentar penetrar através dele concentrando-se mais profundamente e orando a Deus com muita devoção. A profundidade da tranquilidade e da concentração necessárias para atingir o objetivo é desenvolvida naturalmente com a prática contínua das técnicas científicas de concentração e meditação da Self-Realization Fellowship [ensinadas nas Lições da SRF].

    Fale Com Deus na Linguagem do Seu Coração

    Vendo ou não a luz do olho espiritual, continue com a atenção no centro da Consciência Crística, isto é, no ponto entre as sobrancelhas, orando profundamente a Deus e aos Seus grandes santos. Invoque na linguagem do coração a presença Deles e as Suas bênçãos.

    Uma prática recomendável é escolher uma afirmação ou prece das Lições da Self-Realization Fellowship ou das obras de Paramahansa Yogananda, como Sussuros da Eternidade ou Meditações Metafísicas, espiritualizando-a com seu anseio, com sua devoção pessoal.

    Cante e ore a Deus em silêncio, mantendo a atenção no ponto entre as sobrancelhas até perceber a resposta divina em forma de calma, profunda paz e alegria interior.

    A Prática Diária Facilita a Execução das Técnicas mais Avançadas

    Cada período de meditação deve durar pelo menos 30 minutos, de manhã e à noite. Quanto mais tempo você permanecer sentado, desfrutando do estado de calma meditativa, mais progredirá espiritualmente. Durante as atividades diárias, mantenha a calma sentida na meditação; a serenidade o ajudará a manifestar felicidade e harmonia em todos os aspectos de sua vida.

    A prática diária destas instruções facilita a execução das técnicas mais avançadas de concentração e meditação apresentadas nas Lições da Self-Realization Fellowship. Estas técnicas científicas o capacitarão a mergulhar cada vez mais profundamente no vasto oceano da presença divina. Neste exato momento, nós todos existimos no oceano do Espírito; mas somente com a prática contínua e dedicada da meditação científica é que podemos perceber conscientemente nossa existência como ondas-almas individualizadas no imenso oceano da bem-aventurança de Deus.

    Trechos dos Escritos de Paramahansa Yogananda:

    "Como primeiro passo para entrar no reino de Deus, o devoto deve sentar-se imóvel na postura correta de meditação, com a coluna vertebral ereta; deve, então, retesar e relaxar o corpo – pois pelo relaxamento a consciência se liberta dos músculos.

    "O iogue começa com a respiração profunda apropriada, inalando enquanto retesa o corpo e exalando enquanto relaxa, diversas vezes. A cada exalação, todo movimento e tensão muscular devem ser eliminados, até que se alcance o estado de quietude corporal.

    "Então, por meio de técnicas de concentração, a inquietude é removida da mente. Na perfeita tranquilidade física e mental o iogue desfruta a inefável paz da presença da alma.

    "A vida habita o templo do corpo; a luz, o templo da mente; e a paz, o templo da alma. Quanto mais nos aprofundamos na alma, mais sentimos essa paz; esse é o estado de superconsciência.

    "Quando pela meditação mais profunda o devoto expande tal percepção de paz e sente sua consciência difundindo-se com essa paz por todo o universo e sente todas as criaturas e toda a criação engolfadas por essa paz, então ele está entrando no estado de Consciência Cósmica. Ele sente essa paz em toda parte – nas flores, em cada ser humano, na atmosfera. Ele contempla a Terra e os mundos flutuando como borbulhas nesse oceano de paz."

    — Paramahansa Yogananda, A Yoga de Jesus

    Instructions 5
    flower

    Aprenda mais técnicas de meditação nas Lições de Paramahansa Yogananda para Estudo em Casa.

    A Postura Correta

    Um dos primeiros requisitos para meditar é adotar uma postura correta. Nesta página você encontrará instruções simples para que sua postura o conduza a uma meditação eficaz.

    Coluna Ereta

    Durante a meditação a coluna vertebral deve estar ereta. Quando você está tentando dirigir a mente e a energia vital pelo eixo cerebroespinhal aos centros dos estados de consciência mais elevados no cérebro, deve evitar toda contração ou pressão nos nervos espinhais que possa ser causada por uma postura incorreta. Para atingir este objetivo, pode sentar-se em uma das posições descritas abaixo.

    Sente-se de Pernas Cruzadas ou numa Cadeira de Espaldar Reto

    As pessoas com pernas flexíveis podem preferir meditar sentadas no chão ou em uma cama firme, na postura padmasana, ou simplesmente com as pernas cruzadas.

    Entretanto Paramahansa Yogananda também recomendava a seguinte confortável postura de meditação: sente-se em uma cadeira sem braços e de espaldar reto, com os pés totalmente apoiados no chão. Mantenha a coluna vertebral ereta, o abdome encolhido, o tórax aberto, os ombros para trás, sem nenhuma tensão desnecessária, e o queixo paralelo ao chão. As mãos devem ficar com as palmas viradas para cima e apoiadas nas pernas onde a coxa se une à região abdominal, para evitar que o corpo se incline para a frente.

    Na postura correta o corpo deve estar ao mesmo tempo firme e relaxado para que seja possível permanecer completamente imóvel, sem mexer um músculo sequer.

    Estas instruções, exceto as relacionadas às posições das pernas e dos pés, também se aplicam à postura de meditação com as pernas cruzadas.

    Agora, feche os olhos e eleve seu olhar levemente, sem forçar, para o ponto entre as sobrancelhas – o olho espiritual, sede da concentração e da percepção divina.

    Trechos das obras de Paramahansa Yogananda:

    “Se o iogue principiante senta-se no chão duro para meditar, é provável que suas pernas fiquem dormentes depois de pouco tempo, devido à pressão do peso do corpo sobre as artérias. Por outro lado, quando ele se senta na almofada ou no colchonete – cobertos por uma manta – ou numa cama firme, não sentirá desconforto. Um ocidental acostumado a sentar-se na posição em que as pernas fazem ângulo reto com o torso ficará mais cômodo se meditar numa cadeira de espaldar reto coberta com uma manta e um tecido de seda que vão até o chão, por baixo de seus pés; alguns iogues ocidentais, especialmente os jovens, conseguem sentar-se no chão com os calcanhares como apoio, como os orientais. Por serem muito flexíveis, não têm dificuldade em dobrar os joelhos para que pernas e coxas formem um ângulo agudo. Esses iogues podem meditar na postura de lótus ou simplesmente com as pernas cruzadas, uma posição mais simples.

    “Ninguém deve tentar meditar na postura de lótus se não se sentir confortável assim. Forçar a postura para meditar mantém a mente focada no incômodo do corpo. Normalmente, a meditação deve ser feita na posição sentada. Se meditarmos em pé, é óbvio que corremos o risco de perder o equilíbrio quando a mente se interioriza, exceto se a pessoa for muito avançada no caminho espiritual. O iogue também não deve meditar deitado, pois essa posição pode levá-lo a ‘praticar’ o sono profundo.

    “A postura adequada – que dá serenidade ao corpo e à mente – é necessária para ajudar o iogue a mudar seu enfoque mental, levando-o da matéria ao Espírito.”

    — Paramahansa Yogananda, Deus Fala Com Arjuna: O Bhagavad Gita

    flower

    Aprenda mais técnicas de meditação nas Lições de Paramahansa Yogananda para Estudo em Casa.

    Prepare um Lugar para a Meditação

    É recomendável escolher um lugar silencioso e tranquilo onde você possa ficar isolado sem ser interrompido durante a meditação. Se possível, reserve um local em que você possa criar seu próprio santuário, exclusivo para a sua prática de meditação (veja abaixo sugestões de Paramahansa Yogananda).

    Preparing A Space For Meditation

    Passagens dos Escritos de Paramahansa Yogananda:

    "A sala sugere um encontro com outras pessoas; a biblioteca inspira o desejo de ler; o dormitório convida ao sono. Usando o mesmo critério, todos deveriam dispor de um quarto ou cantinho separado por um biombo ou cortina ou um closet bem ventilado e utilizá-lo exclusivamente para a meditação silenciosa. As casas tradicionais da Índia sempre têm um altar desse tipo para o culto cotidiano.

    "Ter um altar em casa é muito eficaz para nutrir a espiritualidade já que, diferentemente dos lugares públicos de adoração, ele se converte em espaço personalizado e também é acessível para acolher as expressões devocionais espontâneas que possam surgir durante o dia. Na Índia as crianças não são obrigadas a ir ao altar, mas são inspiradas a fazê-lo devido ao exemplo dos pais.

    "Nos templos em casa, as famílias aprendem a encontrar a paz da alma escondida atrás do véu do silêncio. Ali praticam a introspecção e são reenergizadas com o poder interior da alma, com orações e meditação. Em comunhão divina, entram em sintonia com a sabedoria, de modo a ordenarem a vida segundo os ditames da consciência e da opinião correta.

    "A oração interiorizada produz a percepção de que a paz e o serviço aos ideais divinos são a meta da vida, sem a qual nenhuma aquisição material pode assegurar a felicidade."

    — Paramahansa Yogananda, A Segunda Vinda de Cristo

    flower

    Aprenda mais técnicas de meditação nas Lições de Paramahansa Yogananda para Estudo em Casa.

    Compartilhe